sábado, 24 de dezembro de 2011

Comissão do governo viabiliza proposta dos Policiais e Bombeiros Militares


Os membros da Comissão de negociação do governo reuniram neste sábado (24), véspera de Natal com os dirigentes das entidades militares para conhecer o posicionamento do governador Omar Aziz. O governador deve anunciar quando retornar sua proposta para Segurança Pública do Amazonas.

Governador Omar disse que vai ajudar os policiais e
 bombeiros militares do Amazonas
  
            Representantes das entidades de classe dos Policiais e Bombeiros Militares do Amazonas, liderados pelo presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Estado (ALEAM), Deputado Cabo Maciel (PR) reuniram às 11hs deste sábado (24), véspera de Natal com os Secretarios de Governo George Tasso e da Casa Civil Raul Zaidan, que anunciaram favorável a viabilização da Lei de Subsídio.
Omar Aziz designou uma comissão que já concluiu o trabalho
             Após reunião na Casa Civil, a pedido do Excelentíssimo Senhor Governador do Estado, o Deputado Cabo Maciel, juntamente com presidentes as Associações de Subtenentes e Sargentos PM/BM, Associação de Cabos e Soldados PM/BM, Associação dos Inativos da PM/BM, Associação das Mulheres,   Clube de Oficiais da PMAM e representantes da PM/BM, com a presença do Dr. Raul Zaidan – Secretário Chefe da Casa Civil e Dr. George Tasso – Secretário de Governo, foi definida a viabilização da Lei de Subsídios da PMAM/CBMAM dentro dos valores propostos por ambas Instituições e Entidades representativas de classe, em benefício do pessoal Ativos, Inativos  e Pensionistas da PM/BM, garantido pelo Excelentíssimo Senhor Governador do Estado, que a Lei será encaminhada através de mensagem governamental a ALEAM para votação na primeira semana após o recesso Parlamentar, sendo sua eficácia retroativa a 1º de janeiro de 2012.
Representantes dos militares presentes no encontro
             Porém, ficando em aberto a sugestão de parcelamento em até 05 (cinco) anos, independente da repósição das perdas salariais na data base intituída em Lei. Um grande ganho afirmou o Deputado Cabo Maciel.
             O Deputado Cabo Maciel, enalteceu ainda a boa vontade do Excelentíssimo  Governador, recebendo as Entidades Representativas de Classe em todos os momentos em que foi solicitado, tratando a todos com urbanidade e grande senso de justiça,  e determinando que todos os estudos sobre a implantação da Lei de Subsídios fossem concluidos em até 20 (vinte) dias, cumprindo com o prometido, e de forma magnânima, ainda pediu uma reunião na véspera de natal para noticiar o grande presente a ambas Instituições, um marco histórico jamais visto em nosso Estado, afirmou o Deputado Cabo Maciel.
Raul Zaidan, Ligia Fraxe e George Tasso disseram sim ! 
            Ao concluir o parlamentar republicano parabenizou o governador Omar Aziz, o Comandantes Gerais da PMAM e CBPMAM e a todos os queridos irmãos de Luta, Representantes das Entidades de Classe da PM/BM, pela vitória que compartilhou com todos. E desejou um Feliz Natal a todos e um ano novo de realizações e novas conquistas, segundo a soberana vontade do Senhor nosso Deus.

quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Cabo Maciel inicia campanha “Crack, nem pensar” na ALEAM

O deputado Cabo Maciel disse que vai precisar do apoio dos órgãos governamentais para ajudar na campanha contra o crack

Deputado Cabo Maciel mostrou-se preocupado com a droga



Em Cessão de Tempo solicitada pelo deputado estadual Cabo Maciel (PR), foi apresentado no Plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), um vídeo institucional que vai fazer parte da campanha nacional de prevenção e combate ao uso do crack, lançada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

O deputado estadual Ricardo Nicolau (PSD) presidiu a Cessão de Tempo que contou com a presença do desembargador Sabino Marques; juízes Elcy Simões e Carlos Queiroz; coordenador do Núcleo de Advocacia Voluntária (Nave), Jaime Marinho; procurador-geral da Procuradoria Geral do Estado (PGE), Clóvis Frota Júnior.

O tema apresentado contou com apartes dos deputados estaduais Sidney Leite (DEM), Luiz Castro (PPS), Tony Medeiros (PSL), José Ricardo (PT), Conceição Sampaio (PP), Vicente Lopes (PMDB) e Wilson Lisboa (PCdoB).
Os traficantes ficam cada vez mais poderosos

Todos foram unânimes em afirmar que essa era uma ação positiva e que uma campanha preventiva deve ser iniciada para ajudar nossos jovens a não se envolver com essa droga que mata indiscriminadamente. Para eles, a campanha vai servir para diminuir e tentar dissipar de vez o consumo da droga junto aos jovens, que traz conseqüências sérias para o usuário e família e está diretamente ligada com o aumento da criminalidade.

Afirmaram que a colaboração dos tribunais será de fundamental para a promoção da campanha e que a prevenção é a melhor forma de combate ao uso do crack “indiscutível fator de aumento das taxas de criminalidade, violência e outros problemas sociais”.

Projeto que deriva da campanha
Desembargador Sabino visita presídio

Aproveitando o momento e observando a gravidade da situação, Ricardo Nicolau disse que vai aproveitar a idéia de um dos palestrantes para apresentar no Parlamento Estadual um projeto que obrigue os organizadores de grandes eventos públicos como carnaval, carnaboi, boimanaus dentre outros, para que passem, nos intervalos, vídeos educativos sobre o combate às drogas. Essas matérias devem ser produzidas pelos poderes legislativos estadual e municipal e pelos poderes Judiciário e Executivo, fazendo com que aquele público que é o alvo das atenções possa, ao estar nesses eventos, recebendo orientações para não entrar nesse mundo que muitas vezes não tem volta.

Ricardo Nicolau afirmou que a partir de fevereiro, usando essa idéia, vai apresentar o projeto para determinar que parte do horário onde é veiculada matérias nesses telões, sobre o evento e seus patrocinadores, sejam também veiculadas matérias educativas de combate às drogas. “Essa campanha será veiculada na programação da TV-ALE”.

Proteção para crianças, jovens e adolescentes
Desembargador Sabino Marques

Para o juiz Carlos Queiroz esse é um problema sério e que deve ser contido para proteger esses jovens que estão aí reféns dessa droga que tem poder de vício maior que as outras.

Para ele é importante o combate de imediato para que não tenhamos aqui nenhum local chamado de “Cracolândia” como já existe em São Paulo, Minas Gerais dentre outros. “É necessário que se mobilize a sociedade para o combate ao consumo de entorpecentes, especialmente o crack, mobilizando instituições, órgãos e entidades, formando uma rede em defesa da vida e combatendo o crack e outras drogas”.

Segundo Cabo Maciel, a constatação das autoridades é de que a droga está deixando a periferia da cidade e tomando de refém também a elite, que sempre foi tida como bem informada e, portanto, livre do assédio de traficantes.

Para ele é necessário que seja tomada uma posição séria para combater esse mal que cresce assustadoramente pelo país e, em nossa capital não é diferente.
Só quem tem um membro da família no crack sabe a dor

Sentindo a necessidade de mais informação, o parlamentar republicano reuniu com o presidente do Grupo de Monitoramento Carcerário do Amazonas, desembargador Sabino Marques para apresentar o plano de ação da campanha contra a droga denominada de “Crack” por se tratar de uma das mais perigosas e “viciantes” da atualidade.

Ele explicou que a campanha conta com o apoio do “Instituto Crack, nem Pensar”, do CNJ, e do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e que o CNJ vai distribuir aos tribunais brasileiros 10 mil exemplares de cartilhas produzidas por especialistas para a campanha. A idéia é disseminar as informações por meio das Coordenadorias da Infância e Juventude dos tribunais.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Assembleia aprova Lei do Porte de Arma na Carteira




Projeto de Lei n. 245/2011 – “Autoria do Deputado Cabo Maciel”

Vitória do Cabo Maciel e da Polícia Militar!


Consignação da autorização para o porte de arma na Carteira de Identidade Militar é aprovada na Assembleia.
A luta em favor dos Policiais Militares continua firme disse Maciel

Projeto de Lei n. 245/2011, de autoria do Deputado Estadual Cabo Maciel, que dispõe sobre a identificação do Policial e Bombeiro Militar do Amazonas, cujo documento reunirá todos os dados necessários e imprescindíveis à identificação dos referidos profissionais de segurança pública, foi aprovado nesta quarta-feira (21) no Plenário da Assembleia Legislativa do Estado (ALEAM), representando uma incontestável vitória do Deputado Cabo Maciel e dos militares de nosso Estado, uma vez que se torna realidade um antigo anseio dos integrantes das mencionadas corporações militares.

Deputado Cabo Maciel e membros da Comissão
O art. 1º da propositura define obrigações e disciplina os procedimentos relativos à emissão de Carteira de Identidade Militar (CIM), para o pessoal da ativa e aos inativos da Reserva Remunerada e Reformados da Policia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (PM e BM / AM), bem como aos seus dependentes, e do Cartão de Identificação Provisório (CIP), para os alunos dos diversos Cursos de Formação de Praças e Oficiais da PM e BM do Amazonas.



O parlamentar republicano alerta que a Carteira de Identidade Militar é documento pessoal e intransferível, que se destina a comprovar o vínculo entre o identificado e a Corporação, ou entre o dependente e o militar e, neste último caso, prescindirá de prévia e expressa autorização do titular.

Maciel lembrou que os alunos militares que estão se preparando para entrar na academia, hoje, não possuem uma identificação provisória capaz de comprovar sua condição de aluno dos cursos de formação de soldados, de cabos, de sargentos, de habilitação de oficiais de administração e de formação de oficiais, promovidos pelo Estado do Amazonas através da PM e BM ou outro órgão ou entidade devidamente credenciado para isto, com validade apenas provisória, enquanto perdurar o respectivo curso.

Com a aprovação da proposição e a conseqüente operacionalização da Lei, preenche-se uma lacuna de natureza legal quanto à identificação do Policial e Bombeiro Militar no Amazonas, uma vez que o processo de emissão do documento de identificação dos referidos profissionais de segurança pública ainda não era devidamente regulamentado, inclusive no que tange à consignação do registro e da autorização para o porte de arma de fogo de uso permitido, cuja concessão continua vinculada à legislação federal pertinente e de responsabilidade exclusiva do Comandante de cada Corporação, porém passando a constar diretamente na Carteira de Identidade Militar, a partir da sanção da Lei.
Alunos soldados, que breve vão estar nas ruas de Manaus

No entanto, o Deputado Cabo Maciel adverte que a consignação das informações relativas ao registro e autorização para o porte de armas na CIM não autoriza o militar portador do mesmo a extrapolar de seus direitos e deveres. Muito ao contrário, é aportada mais responsabilidade quanto ao uso deste equipamento de trabalho do Policial Militar.

Feliz por esta vitória, o Deputado Republicano afirma que “vencida esta batalha, vamos intensificar o trabalho para a aprovação da Lei de Subsídios, anseio maior de nossos colegas policiais e bombeiros militares, cujo andamento está a todo vapor, com as negociações sendo devidamente encaminhadas junto à equipe do Governador Omar Aziz, que tem se mostrado sensível a este pleito e com bastante interesse em corrigir distorções históricas relativas à remuneração dos policias e bombeiros militares do Amazonas.”

Em reunião tensa Militares e Governo chegam a um consenso na planilha de salário da Polícia Militar

A manutenção da Gratificação de Trabalho Extraordinário (GTE) gerou a princípio uma discordância entre os dirigentes das entidades militares. Mas, depois da explicação da equipe de que o governador Omar Aziz não abriria mão desse recursos houve um entendimento melhor sobre o tema.
O Deputado Cabo Maciel encaminhou o diálogo na negociação

O Clima ficou tenso na penúltima reunião desta quarta-feira (21), depois de 2h e 30m de debate entre a equipe de governo que foi nomeada pelo governador Omar Aziz, formada pelos Secretários de Governo, Dr. George Tasso e Administração do Estado – Dra. Ligia Fraxe com Deputado Cabo Maciel (PR) representando Associação de Cabos e Soldados da PM/BM, Associação de Subtenentes e Sargentos PM/BM, Associação dos Inativos PM/BPM, Clube dos Oficiais PM/BM, Representantes do Comando Geral da PM e do CBMAM, que mantiveram o posicionamento na defesa dos valores pré-estabelecidos nas tabelas anexas a nova Lei de Subsídio da PMAM /BMAM.

Depois de muito debate contrário, chegou-se ao consenso da manutenção dos mesmos valores estabelecidos na Lei, no entanto, mantendo-se também vigente a GTE (que numa exegese simples, significa dizer da pretensão da incorporação dos percentuais da GTE, mantendo a GTE para a Tropa).
O clima ficou tenso na reunião

O deputado Cabo Maciel com bastante equilíbrio e determinação cobrou da equipe de governo prazo e uma nova leitura da proposta que foi enviada militares que será apresentada pela equipe de Governo até sexta-feira próxima.

A proposta obedecerá os mesmos percentuais estabelecidos na Lei, no entanto, com simulação das planilhas com incidência sobre a GT e Soldo; outra com incidência apenas sobre a GT, e outra com incidência sobre o soldo.
Todos tiveram oportunidade de falar

O pedido do Deputado Cabo Maciel recebeu apoio dos demais representantes da entidades de classe dos militares e a contraproposta sugerida pela equipe de Governo mantém o que se almeja com a nova Lei (incorporação dos valores percentuais da GTE e a manutenção do ganho real na inatividade), conciliando com a intenção do Governo em manter a GTE dentro do planejamento estratégico para a Segurança Pública do Estado.

Ficou estabelecido entre as partes na referida reunião que a definição dos valores pela equipe de Governa não excederá a data de segunda-feira (21), concluiu Cabo Maciel.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Cabo Maciel agradece apoio recebido de instituições militares pela luta em favor da Lei de Subsídio

O Deputado Cabo Maciel lembrou em seu discurso que no passado já apareceu aproveitadores da desgraça dos outros, para enganar os praças. Hoje, a Polícia Militar tem um representante da base acostumado na rua e sabe mais do que ninguém da dificuldade do PM.

Deputado Cabo Maciel na tribuna da ALEAM

O deputado estadual Cabo Maciel (PR), presidente da Comissão de Segurança Pública (CSP) da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), utilizou a Tribuna na manhã desta terça-feira (20) para destacar a o apoio que recebeu dos presidentes da Associação dos Sargentos e Sub-tenentes do Amazonas, Clube dos Oficiais, Associação dos Policiais da Reserva, Associação das Mulheres dos Aposentados e Pensionistas do Amazonas e do Corpo de Bombeiros pela forma com que vem conduzindo as negociações para aprovação da Lei de Subsídio dos Policiais e Bombeiros Militares do Amazonas.

O parlamentar afirmou, durante seu pronunciamento, que não fez nenhuma emenda à proposta, por estar incluído no planejamento do Governo do Estado os recursos para a Segurança Pública.

Cabo Maciel disse que ele é praça e que não abre mão dessa patente que lhe garantiu o mandato de deputado estadual. “O cargo de deputado tem prazo de validade. E se eu não lutar por melhoria de salário para a categoria, agora como parlamentar, depois fica mais difícil”.
Cabo Maciel conversa com a tropa

Cabo Maciel veio do interior e conseguiu se eleger presidente da Associação dos Cabos e Soldados e Bombeiros Militares do Amazonas. Contou com o apoio dos militares para se eleger deputado estadual.

Cabo Maciel considera sua eleição uma grande vitória, após o lançamento de vários candidatos militares a deputado estadual para que eles tivessem um representante no parlamento.

O parlamentar ressaltou que optou por negociar de forma democrática a aprovação da Lei de Subsídio que irá beneficiar do soldado aos coronéis, por isso, vai continuar mantendo as metas a serem alcançadas.

Lei do subsídio

Cabo Maciel ressaltou que a lei de Subsídio é a grande esperança dos policiais militares, pois vem sendo trabalhada desde 2006 para dar sustentabilidade na carreira dos policiais militares. Ela vai beneficiar do soldado ao oficial militar, lembrando ainda que a Lei já tramita muito antes dele assumir sua cadeira na ALEAM.
Cmte. da PMAM ajuda na negociação

O deputado estadual disse estar confiante de que o governador Omar Aziz (PSD) vai tratar com “a mesma humildade, dinamismo e com a mesma vontade as reivindicações dos Policiais Militares como tratou os sindicalistas da Polícia Civil”.

Cabo Maciel é o primeiro praça da Polícia Militar do Amazonas eleito deputado estadual em 174 anos de existência da corporação e garante que tem respeito e compromisso com o povo amazonense, direcionando seu mandato para a maioria dos municípios e comunidades do Amazonas.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Confraternização dos Policiais Militares foi um sucesso

Policiais e familiares tiveram uma noite de muita alegria e descontração na Festa de Confraternização
Confraternização dos Policiais Militares


Cerca de 4 mil policiais e bombeiros militares num clima de muita descontração participaram do jantar de Confraternização promovido pela Associação dos Cabos, Soldados e Bombeiros Militares do Amazonas, realizado no último dia (16), na sede campestre dos policiais situado na Av. Torquato Tapajós. O presidente da entidade, Deputado Cabo Maciel fez um balanço do trabalho que vem sendo realizado pela atual diretoria e de seu mandato como parlamentar e defensor da categoria nos últimos dez meses de mandato na Assembleia Legislativa.
Dep. Ricardo Nicolau prestigiou a festa

O evento foi prestigiado pelo comando da Polícia Militar, Cel. Almir David, chefe do Estado Maior Cel. Herbet, presidente da Assembleia Legislativa do Estado, Deputado Ricardo Nicolau (PSD), além dos presidentes dos Grêmios de Itacoatiara, Parintins, Manacapuru, Iranduba e outros que vieram prestigiar o evento.
Diretores da Associação Cabos e Soldados

O presidente da Associação dos Cabos, Soldados e Bombeiros Militares, Deputado Cabo Maciel lembrou que assim que assumiu a entidade, um evento como esse reunia no máximo 250 pessoas no final de ano. Hoje, fica claro que a atual diretoria terá que ampliar o espaço físico da sede para comportar todos os associados.
Cmte. Almir David, Dep. Cabo Maciel
e presidentes de Grêmios do interior

A superlotação do Clube demonstrou claramente que a atual diretoria vem conquistando credibilidade perante a tropa que hoje, pode levar sua família para participar de um evento de tamanha dimensão.

Depois dos discursos das autoridades presentes e do Deputado Cabo Maciel fazendo sua prestação de contas do trabalho que vem sendo realizado como parlamentar em favor dos militares que deram a maioria dos votos na última eleição, os policiais e familiares presentes aplaudiram.
Cel. Almir David deseja Feliz Natal
aos policiais militares

No decorrer da festa foi servido o jantar a todos os presentes e realizado o sorteio de dezenas de brindes valiosos como geladeira, TV LED, fogões, ranchos e outros brindes variados que foram distribuídos entre os associados presentes.

Acidentes de trânsito em Itacoatiara preocupa Deputado Cabo Maciel

O grande número de veiculos e motocicletas circulando pelas ruas de Itacoatiara precisam ser disciplinados, uma vez que tem aumentado a estatística de mortes no trânsito. 


O trânsito de Itacoatiara precisa da presença do Detran

Os acidentes de trânsito continuam tirando vidas em Itacoatiara, já virou rotina os casos de acidentes envolvendo motoqueiros, quando chega o final de semana o hospital já deixa todas as equipes de sobre aviso, pois a qualquer momento pode chegar vítimas de acidentes. O alerta foi do Deputado Cabo Maciel (PR) que pede providencia da direção do Departamento Estadual de Trânsito-(Detran).

O pior de tudo isso é que a grande maioria destas vítimas são jovens que estão se matando, pilotando de forma totalmente irresponsável, colocando a vida deles e dos outros em risco. Muitos dirigem alcoolizados e sem capacete.

Cabo Maciel pede que seja realizado o mais rápido a sinalização vertical e horizontal, além de implantação de semáforos nas principais ruas e avenidas de Itacoatiara, para que os transeuntes possam caminhar com segurança.

Cidadãos que se destacaram em 2011 recebem homenagem

O estreante no parlamento estadual Deputado Cabo Maciel (PR) foi o grande destaque da entrega das medalhas do "Mérito do Legislativo" realizado no auditório Belarmino Lins na última sexta-feira.  



A Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM) homenageou, nesta sexta-feira (16), 26 profissionais que se destacaram e desempenharam papel relevante à sociedade amazonense ao longo do ano de 2011. O evento é uma tradição a mais de dez anos na Casa, por indicação dos 24 parlamentares. As pessoas agraciadas vão da simplicidade aos mais conhecidos pela população.
Deputados presentes ao evento

É o caso da vendedora de tacacá, dona Adalgisa Soares, 95, que sustentou os cinco filhos e mais 40 adotados, ao longo dos 50 anos de dedicação à venda do tacacá, na Praça da Polícia. A indicação veio do deputado estadual Luiz Castro (PPS). “Homenagear uma mulher simples, humilde e trabalhadora é reconhecer milhares de mulheres brasileiras e batalhadoras”, lembrando que apesar da idade, ela continua trabalhando com alegria e dedicação.

O deputado Cabo Maciel (PR), também congratulado com a Medalha pelos trabalhos frente à Comissão de Segurança na ALEAM e pela defesa da classe policial e militar do Estado, disse que foi uma felicidade dupla, pela oportunidade que a ALEAM permite aos deputados prestarem justa homenagem e também pela congratulação que o presidente da ALEAM, deputado Ricardo Nicolau (PSD), tê-lo indicado em meio a muitos profissionais.
Ten. Cel Eliezio recebeu homenagem

Ricardo Nicolau ressaltou que a saudação ao parlamentar representa todos os policias que dedicam seus trabalhos, em prol de um Amazonas melhor. “É uma justa homenagem”, disse, afirmando que o Parlamento também tem a função importante em poder homenagear pessoas que dedicaram sua vida e o seu trabalho em favor do Estado.

A deputada Conceição Sampaio (PP) agraciou o padre responsável pela área Missionária Sagrada Família, Danival de Oliveira Lopes, pelo compromisso com a evangelização e um mundo mais fraterno, onde as pessoas se preocupam com o próximo. “Sou agradecido à deputada e por todos que me ajudam a construir uma vida digna aos serviços do povo de Deus”, disse o padre.
Parentes e amigos do Dep. Cabo Maciel

A soprano da Orquestra de Violões do Amazonas, Karine Aguiar de Souza, foi outra agraciada pelo deputado estadual Marcos Rotta (PMDB), por representar o Amazonas no Brasil e no mundo. “É uma forma de reconhecer todo o seu talento e também uma maneira de incentivá-la para continuar trilhando esse caminho de sucesso, observou.

O poeta e escritor amazonense Elson Farias, também recebeu a Medalha de Mérito Legislativo, indicado pelo deputado estadual Marcelo Ramos (PSB). O parlamentar disse que a homenagem é muito mais do que pela obra como também pelo papel importante, no sentido de divulgar e despertar a paixão pela literatura e leitura aos jovens. “São pessoas como Elson que engrandecem o nosso Estado”, completou.
Presidente Ricardo Nicolau hoemangeou
o estreante no parlamento Dep. Cabo
Maciel pelo excelente desempenho em 2011

A Medalha da Ordem do Mérito Legislativo foi instituída nos termos da Resolução Legislativa nº 319/2002 e é concedida aos chefes de Estado e de governo, políticos, magistrados, membro do Ministério Público, militares, diplomatas, professores, cientistas, escritores, servidores públicos, desportistas e outras personalidades, pelos respectivos e relevantes serviços vinculados ao cumprimento do interesse público.

A comenda compreende a categoria “Grande Mérito”, destinada a premiar pessoas vinculadas à cultura, ciência, esporte, empresas e para homenagear o exemplar comportamento dos agentes públicos no exercício de suas respectivas carreiras funcionais.
Alguns dos homenageados

Além dos agraciados acima, também receberam a Medalha de Ordem do Mérito Legislativo: Agenor Maria da Costa (Major QOPM), indicado pelo deputado Tony Medeiros agraciou; o médico do Hospital Prontocord, Alváro Felipe Amande, recebeu indicação do deputado Wilson Lisboa (PCdoB); o deputado estadual Adjuto Afonso (PP) indicou Armando Gomes dos Reis Filho Microempresário);Audiney Oliveira Ferreira Pinto (Major sub-comandante do Col.da Pol. Militar do Estado do Amazonas, por indicação do deputado estadual Sinésio Campos (PT); o deputado estadual Fausto Souza indicou o tenente coronel e sub-comandante de Policiamento Metropolitano, Augusto Magno Soares;o deputado estadual Abdala Fraxe (PTN) entregou a Medalha ao presidente do Ministério Internacional Aliança de Milagres, Braz Augusto Calderaro Júnior; o deputado estadual Marco Antonio Chico Preto (PSD) indicou o pastor David Judson Hatcher; o tenente coronel Eliélzio Almeida da Silva recebeu indicação do deputado estadual Cabo Maciel (PR); a jornalista e escritora, Etelvina Garcia, agraciada pelo deputado estadual Sidney Leite; o deputado federal Francisco Praciano (PT) recebeu a indicação do deputado estadual José Ricardo (PT); o professor Francisco Gomes Macuiama recebeu indicação da deputada estadual Vera Lúcia Castelo Branco (PTB); a diretora do Hospital Platão Araújo, doutora Heraldiva Souza Tapajós, foi indicada pelo deputado estadual Belarmino Lins (PMDB); o diretor de Apoio à Mesa Diretora da ALEAM, Jorge Luiz Jordão foi indicado pelo deputado estadual Vicente Lopes (PMDB); o reitor da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), professor doutor José Aldemir de Oliveira recebeu indicação do Conselho da Ordem; o deputado estadual Wanderley Dallas (PMDB) agraciou o procurador do Município de Manaus, Marco Aurélio de Lima Choy; o fundador da Manaus Aerotáxi, Marco José Pacheco recebeu indicação do deputado estadual Arthur Bisneto (PSDB); a advogada Maria Auxiliadora dos Santos Benigno foi agraciada pelo deputado estadual Josué Neto; o prefeito municipal de Manicoré, Manuel de Oliveira Galdino recebeu indicação do deputado estadual Orlando Cidade (PTN); o apóstolo e fundador da Igreja Evangélica Aliança com Deus, Paulo de Souza Ribeiro, foi indicado pelo deputado estadual Francisco Souza (PSC); o deputado estadual David Almeida (PSD) agraciou o procurado do Estado do amazonas, Tadeu de Souza Silva e a Mesa Diretora da ALEAM indicou o superintendente Regional da Conab no Amazonas, Thomáz Antônio Perez da Silva.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

ORDEM DO MÉRITO LEGISLATIVO

Deputado Cabo Maciel é Destaque no Parlamento e
recebe a Medalha da "Ordem do Mérito Legislativo"
Dep. Cabo Maciel é destaque com Ordem do Mérito
 Legislativo da Assembléia Legislativa (Cabo Maciel e a
esposa Soraya Maciel)

O deputado Cabo Maciel (PR) está sendo homenageado neste momento no Auditório Belarmino Lins com a Medalha da “Ordem do Mérito Legislativo”, representando todos os militares e bombeiros do Amazonas. A propositura foi de autoria do presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas, Deputado Ricardo Nicolau (PSD) em reconhecimento a todos os policiais militares do Amazonas.
Ten. Cel Eliezio é o homenageado
do Dep. Cabo Maciel

Apesar de ser um estreante no parlamento estadual o Deputado Cabo Maciel tem um excelente destaque no Poder Legislativo, comandando a Comissão Permanente de Segurança Pública da Casa.
Familiares e amigos do Dep. Cabo Maciel presentes ao evento

A “Ordem do Mérito Legislativo” é concedida a soberanos chefes de estado e de governo, políticos, magistrados, membros do Ministério Público, militares, diplomatas, professores, cientistas, escritores, servidores públicos, desportistas e outras personalidades, pelos respectivos e relevantes serviços vinculados ao cumprimento do interesse público.

Por: Jerson Aranha

Planilhas estão sendo avaliadas pelos técnicos da SEAD

Os militares estão reunidos com técnicos do governo sob o comando da secretária Ligia Fraxe!

Secretária Ligia Fraxe recebe comissão dos militares liderada
liderada pelo Deputado Cabo Maciel

O presidente da Associação dos cabos, soldados e bombeiros militares do Amazonas, Deputado Cabo Maciel- (PR) seguiu agora para a Secretaria de Estado da Administração-(SEAD), para acompanhar de perto o andamento do processo de negociação e adequação das planilhas com os valores a ser apresentado pelo governo do estado.

Disse o Deputado Cabo Maciel que a luta pela aprovação da Lei de Subsídio, não é só minha é de todos, uma vez que irá beneficiar do soldado até os oficiais e coronéis da Polícia Militar.
Secretária recebe planilha dos militares

A secretária de Administração e Planejamento do governo, Ligia Fraxe formou uma comissão de técnicos liderada por uma procuradora para analisar a proposta dos militares respeitando o orçamento do governo e a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Por outro lado o comando da Polícia Militar e as Associações de classe dos policiais militares também se fazem representar pelo Cel. Sávio e Ten. Amarildo Pereira.
Militares apresentam proposta na SEAD

Cabo Maciel elogiou o posicionamento democrata do governador Omar Aziz, recebendo os presidentes das entidades militares, coisa que não acontecia no passado, além do mais dando o mesmo tratamento que foi dado aos policiais civis, nomeando uma comissão de secretários para tratar da proposta dos militares.

Ao concluir destacou Cabo Maciel a importância da aprovação da Lei de Subsídio, uma vez que irá beneficiar do soldado ao coronel. Além do mais quando o policial militar for para a reserva levará o mesmo ganho que tem na ativa. Hoje, quando o militar, que já ganha pouco, vai para a reserva perde cerca de 45% do seu salário, sujeito a passar privações juntamente com sua família.

Militares estão reunidos agora com Raul Zaidan

A proposta apresentada pelos militares passa pelo crivo da Casa Civil. Enquanto isso, um outro grupo reúne com os técnicos da SEAD as planilhas com os valores para os próximos três anos. 
Por: Jerson Aranha
Dep. Cabo Maciel lembrou a Raul Zaidan que é
presidente da Associação dos Cabos, Bombeiros
e Soldados militares

Os representantes das entidades militares da Polícia e Bombeiro Militar estão reunidos neste momento com o chefe da Casa Civil, Raul Zaidan tratando do andamento e legalidade de todos os pontos relacionados à Lei de Subsídio. Hoje, (16), está completando exatamente 11 dias do prazo dado após o governador Omar Aziz determinar a formação de uma Comissão para tratar da proposta dos militares.
Raul Zaidan justifica que agora a conversa é mais
técnica do que política

O Deputado Cabo Maciel-(PR), atual presidente da Associação dos Cabos, Soldados e Bombeiros Militares do Amazonas, que congrega cerca de 5.600 associados vem liderando os presidentes dos Clubes dos Oficiais, Associação da Reserva, Associação das Mulheres, Bombeiros e dos Sargentos e Tenentes nas negociações com o governo.
Dep. Cabo Maciel conversa com os técnicos que vão
discutir a planilha na SEAD com a Sec. Lígia Fraxe

Enquanto isso, técnicos do governo e dos policiais e bombeiros militares estão reunidos na Secretaria de Estado da Administração-(SEAD) apresentando as planilhas e tratando do orçamento financeiro para os próximos três (03) anos dentro do planejamento do governo para que possa ser definido uma proposta aos militares respeitando a impacto financeiro e a Lei de Responsabilidade Fiscal.
Conversa começa antes de entrar para
reunião na Casa Civil

A Lei de Subsídio está sendo analisada em todos os aspectos de modo que possa ser apresentado uma minuta para o governador Omar Aziz analisar e tomar uma decisão e em seguida encaminhar para votação na Assembleia Legislativa do Estado. Mesmo que a proposta dos militares não seja votado ainda este ano, uma vez que os deputados estaduais vão entrar em recesso. Mas a partir de fevereiro entrará em pauta para votação com data retroativa a 1º. de janeiro conforme assegurou o governador Omar Aziz.

Cabo Maciel a frente das discurssões da Lei de Subsídio


Pela primeira vez lideranças unidas
O deputado Cabo Maciel (PR) vem acompanhando passo a passo as discurssões sobre a Lei de Subsídio, que após ser aprovada acaba de vez com a Gratificação de Trabalho Extra (GTE).

Uma reunião importante foi confirmada para às 11horas desta sexta-ferta(16), na Casa Civil está sendo aguardada com muita expectativa por centenas de policiais e bombeiros militares do Amazonas. Embora a decisão do governo continue ainda dentro do prazo, mas os representantes dos militares aguardam que a proposta do Lei de Subsídio seja definida ainda hoje.
O clima é de muita expectativa entre os dirigentes e dos militares e bombeiros que aguardam com ansiedade uma definição do governo.
O clima é de muita expectativa entre os dirigentes das entidades neste momento de decisão.

Representantes das Associações
Os dirigentes das entidades de classe da Polícia e Bombeiro Militar estão mobilizados, sob a liderança do Deputado Cabo Maciel (PR). Ontem,(15), eles estiveram reunidos definindo as principais propostas a serem discutidas com os membros do governo do estado na manhã desta sexta-feira(16), na Casa Civil.
Participarão do encontro os secretários Raul Zaidan, Chefe da Casa Civil; Lígia Fraxe, Secretária de Planejamento e George Tasso, Secretário de Governo.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Cabo Maciel inicia campanha “Crack, nem pensar”

O crack vem destruindo centenas de famílias no Amazonas.


Atendendo solicitação do presidente da Comissão de Segurança Pública (CSP) da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), deputado estadual Cabo Maciel (PR), o desembargador Sabino Marques fará palestra e apresentação de vídeo institucional sobre o Programa “Crack, Nem Pensar”, durante 60 minutos numa Cessão de Tempo concedido na Reunião Ordinária da ALEAM, às 11hs da próxima quinta-feira (22), após constatação de que a droga havia deixado a periferia da cidade e tomado de refém também a elite, que sempre foi tida como bem informada e, portanto, livre do assédio de traficantes.
Dep. Cabo Maciel fala de sua preocupação com o crack

Sentindo a necessidade de mais informação, o parlamentar republicano reuniu com o presidente do Grupo de Monitoramento Carcerário do Amazonas, desembargador Sabino Marques para que apresente o plano de ação da campanha contra a droga denominada de “Crack” por se tratar de uma das mais perigosas e “viciantes” da atualidade.

Conscientização

Cabo Maciel lembra que esse tipo de campanha tem alcançado grandes resultados em vários Estados, pois tem como objetivos principais a conscientização das pessoas sobre os malefícios do crack e elaboração de um banco de dados para mapeamento das áreas de maior incidência das práticas, contribuindo assim, com o fim da carência de informações e possibilitando uma repressão policial mais rigorosa.

Ao concluir, Cabo Maciel ressaltou que o programa “Crack, Nem Pensar” trata-se de mais uma ofensiva no combate a esta droga, que se tornou um flagelo social e precisa ser combatida com ações qualificadas.

Cabe destacar, que este Programa precisa ter seu mutirão social ampliado, pois é uma referência nacional e no Estado do Amazonas conta com ilustres ativistas como é o caso do desembargador Sabino Marques.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

TCE inspecionará Oscips de Itacoatiara

O Deputado Cabo Maciel tem apresentado provas das irregularidades que ocorrem em Itacoatiara aos órgãos competentes para que seja feita fiscalizações.


As denuncias feitas da tribuna da Assembleia Legislativa do Estado pelo Deputado Cabo Maciel (PR), contra a Prefeitura de Itacoatiara e Organizações da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscips): Sociedade de Interesse Público do Amazonas (Sipam) e Sociedade de Interesse Público do Médio Amazonas (Sipmam), cujas provas foi encaminhada ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) fez com fosse criada uma comissão para realizar inspeção extraordinária nas sedes de duas Organizações.

Dep. Cabo Maciel entregou uma vasta documentação ao TCE

A portaria do TCE aponta que as inspeções extraordinárias são resultados da não constatação, nos relatórios apresentados, da real aplicação dos recursos repassados entre 2008 e 2010.

Lembra Cabo Maciel que o Sipmam tinha finalidade de atuar na qualidade de vida da população de Itacoatiara. Já o Sipam, nas ações para famílias em vulnerabilidade.

É a primeira vez que a corte forma uma comissão para realizar inspeções à Oscips. O tribunal já avisou que isso deve acontecer em todas as outras que não prestarem contas correntemente.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Cabo Maciel denuncia desvio de recursos da “merenda escolar” de Itacoatiara

A merenda escolar na escola é um dever do gestor público e servir diariamente só abacaxi ou milharina pode ser um golpe para desviar os recursos que são repassados para a Prefeitura de Itacoatiara.


Preocupado com o possível desvio de recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) pelo prefeito de Itacoatiara (distante 270 quilômetros de Manaus), Antonio Peixoto (PT), o deputado estadual Cabo Maciel (PR) denunciou o fato e citou como exemplo a escola “Maria Nira Guimarães”, que nas últimas semanas passou a encerrar suas atividades mais cedo devido à falta de merenda escolar.
Deputado Cabo Maciel mostrou-se indignado com a falta de merenda

Cabo Maciel afirmou que a merenda que vem sendo servida aos alunos da rede pública de ensino do município de Itacoatiara tem se limitado a apenas “milharina e abacaxi”.

Famílias carentes

Cabo Maciel explicou que a maioria das crianças que estudam naquele estabelecimento de ensino (Nira Guimarães) são de famílias carentes que residem nos bairros da periferia do município, por isso, elas vão à escola motivados pela merenda que é servida as crianças que funciona como complemento alimentar do dia-a-dia. “O prefeito Antonio Peixoto não vem respeitando o dever constitucional de suprir as necessidades alimentares dos estudantes itacoatiarenses. Os recursos existem e são repassados regularmente à prefeitura, cujo programa é do Governo Federal”, assinalou.

Ao concluir, disse o parlamentar que o objetivo de sua denúncia é o de garantir êxito do programa de alimentação escolar na rede pública municipal de Itacoatiara, sob pena de estar prevaricando com um direito constitucional que garante a merenda escolar nas escolas.

Medalha Ordem do Mérito Legislativo será do Deputado Cabo Maciel

Deputado Cabo Maciel ter feito inspeção nas unidades da Polícia e Bombeiros Militares, além das Unidades Prisionais do interior.

Policiais de Parintins comemoram a indicação

Como reconhecimento pelo excelente desempenho a frente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), o Deputado Cabo Maciel (PR) será homenageado nesta sexta-feira (16) com A Medalha da "Ordem do Mérito Legislativo" foi instituída nos termos da Resolução Legislativa n° 319, de 14 de agosto de 2002. A propositura é de autoria do presidente da ALEAM Deputado Ricardo Nicolau (PRP).

A "Ordem do Mérito Legislativo" é concedida a Chefes de Estado e de Governo, políticos, magistrados, membros do Ministério Púbico, militares, diplomatas, professores, cientistas, escritores, servidores públicos, desportistas e outras personalidades, pelos respectivos e relevantes serviços vinculados ao cumprimento do interesse público.
Dep. Cabo Maciel no interior

Apesar de ser estreante no parlamento estadual o Deputado Cabo Maciel assumiu com destaque a Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Estado, visitando as unidades da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Delegacias de Polícias e Unidades Prisionais da capital e do interior do Estado.

As proposituras e denuncias do Deputado Cabo Maciel vieram contribuir muito para melhorar a Segurança Pública, motivando apreensões de armamento pesado dentro das tribos indigenas situadas na Fronteira de Tabatinga, pertencentes aos membros das Forças Armadas Revolucionária da Colombia (FARC), interdição do presidio de Parintins, falta de efetivo no interior, além outras denuncias que contribuiram muito para ajudar a Segurança Pública do Amazonas.

sábado, 10 de dezembro de 2011

Preso quase morre após linchamento de colegas de cela

O deputado Cabo Maciel tem denunciado a superlotação nos presídios do interior do Amazonas. O caso de Humaitá é mais grave, uma vez que o mesmo não oferece condições para recuperar os detentos condenados. 

Por: Haroldo Ribeiro
              Blog Amazontime

Dep. Cabo Maciel tem mostrado a insegurança no presídio

Às19h30min, de ontem (09), a Polícia Militar é acionada para intervir na Penitenciaria da cidade no Bairro de São Pedro, imediatamente uma equipe é destacada para realizar a diligência. Quando chegaram ao local encontraram um dos detentos, Manoel Ferreira Satere entre a vida e a morte, hematomas estavam em todo o corpo e os sinais vitais prestes a desaparecer. Mais que depressa, os policiais colocaram o rapaz de apenas 20 anos de idade dentro da viatura recém reformada e tocaram para o Hospital Regional de Humaitá.
Enquanto, transportava o rapaz agonizante outra equipe foi destacada para a Penitenciária, eles deveriam levar os responsáveis por tal barbárie à Delegacia da cidade, o nomes dos envolvidos são: Tomas Soares de Aguiar, de 18 anos, Tomás Queiroz dos Santos, 20, Gustavo Leite Barbosa, 22, Walney da Silva Farias, 23 anos e Ricardo da Costa Ramos de 22.
Na tentativa de homicídio contra companheiro de cela 03 do Pavilhão B, por motivo ainda, não sabido os cinco elementos usaram dois xuxos de mais de 30 cm e com a ponta extremamente afiada, luvas cirúrgicas, uma corda, um pedaço de fio de iluminação e um bodoque feito de camisinhas.
Após as respectivas autuações todos os cinco envolvidos vão ser reconduzidos a xadrez da penitenciara onde deverão ter dentro de seus currículos mais uma ação criminosa.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Porte de Arma pode ser aprovado ainda este ano


O deputado Cabo Maciel tem se empenhado muito para que seu Projeto de Lei que trata do porte de arma para o policial e bombeiro militar seja aprovado ainda este ano. Ele já teve que intervir várias vezes para destravar o andamento de sua propositura. É bom lembrar que essa aprovação não depende só dele, mas de toda a bancada da Assembleia Legislativa.


Dep. Cabo Maciel fala a imprensa de seus Projetos

O deputado estadual Alcimar Maciel, “o Cabo Maciel” (PR) vem travando uma luta incessante junto a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), mas conseguiu ainda esta smana destravar e dar continuidade ao seu Projeto de Lei que dispõe sobre a identificação do policial e bombeiro militar do Amazonas, cujo documento reunirá todos os dados necessários e imprescindíveis à identificação civil e militar do portador, a definição de sua situação militar, bem como número de registro e autorização para porte de arma de fogo – “a exemplo do que acontece com os policiais civis”.
Dep. Cabo Maciel tem reunido a tropa para falar de suas ações

Maciel defende que o art. 1º de sua propositura defina obrigações e disciplina aos procedimentos relativos à emissão de Carteira de Identidade Militar (CIM) para o pessoal da ativa e aos inativos da Reserva Remunerada e Reformados da Policia Militar do Amazonas (PMAM), bem como aos seus dependentes e do Cartão de Identificação Provisório (CIP) para os alunos dos diversos Cursos de Formação de Praças e Oficiais da Polícia Militar do Amazonas.
Os policiais civis obtém o porte em
tempo recorde. Por que?
O Deputado Cabo Maciel alerta que a Carteira de Identidade Militar será documento pessoal intransferível, que se destina a comprovar o vínculo entre o identificado e a Corporação, ou entre o dependente e o militar e, neste último caso, prescindirá de prévia e expressa autorização do titular.



Dep. Fala sobre seu projeto
Ao concluir o parlamentar republicano disse que vem acompanhando o andamento do seu Projeto de Lei em todas as Comissões Permanentes da Assembleia para que possa reunir um bom número de deputados que possam ser favorável e votar em favor do seu Projeto antes do final do ano.